Você está em:

GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA

A Obstetrícia é o ramo da medicina que trata da reprodução feminina. Investiga a gestação, o parto e a fase pós parto, que é chamada clinicamente de puerpério. O termo "obstetrícia" vem da palavra latina "obstetrix", que é derivada do verbo "obstare" (ficar ao lado), ou seja, aquele que auxilia na hora do parto.


O Obstetra é o médico que estuda a reprodução da mulher e acompanha sua paciente durante a gestação, parto e pós-parto nos seus aspectos fisiológicos e patológicos. Este profissional é especialista em cuidar do desenvolvimento do feto e dar assistência à mulher no período da gravidez, sendo o responsável pelo pré-natal da gestante.


Pré Natal: Consiste na orientação e consultas que a mulher grávida deve fazer ao longo desse período. Segundo o Ministério da Saúde deve ser realizado, no mínimo, seis consultas de pré-natal quando a gestante é de baixo risco.


A assistência pré-natal visa manter a integridade das condições de saúde da mãe e do feto. Para isso, é necessário que o início do pré-natal seja o mais precoce possível a fim de identificar e prevenir intercorrências clínicas, cirúrgicas e obstétricas que possam trazer riscos à gestante ou ao feto.


Ao primeiro contato com a gestante, se oferece informações quanto aos hábitos de vida, orientação alimentar, atividade física e sexual, noções do parto e aleitamento materno, além de pedidos de testes para o diagnóstico e tratamento precoce de patologias que possam comprometer a saúde da mãe e/ou do feto, como também pedidos de exames para identificar e acompanhar a saúde de ambos.


GINECOLOGIA


O Ginecologista é o médico especializado no tratamento da saúde da mulher da infância à terceira idade.


Esse profissional cuida e previne doenças do sistema reprodutor feminino (útero, vagina, ovários e tubas uterinas). Os ginecologistas também podem ser Obstetras.


Esse profissional também diagnostica outras doenças, como as do aparelho digestivo, coração, osteoporose, entre outras. Sendo considerado como um "clínico" da mulher portanto um médico de muita confiança, por tratar de assuntos delicados e que as vezes são a causa da visita ao consultório, dentre elas:


  • Irregularidades menstruais;
  • Disfunções hormonais;
  • Sintomas pré-menstruais e menstruais;
  • Dores pélvicas;
  • Vulvovaginites de repetição;
  • Problemas sexuais, alguns atribuídos a anticoncepcionais.
  • Puberdade;
  • Ciclo menstrual;
  • Sexualidade;
  • Medicação anticoncepcional;
  • Gravidez;
  • Menopausa;
  • Alterações na genitália.

A periodicidade de visitas ao Ginecologista varia conforme a queixa de cada paciente, Porém o exame ginecológico que é utilizado para identificar câncer no colo do útero (Papanicolau) é indicado ser realizado anualmente.

Rua Petit Carneiro, 414 - Água Verde - Curitiba - PR | contato@annaclin.com.br

Dr Afonso Celso Alves de Melo – CRM PR 5220 – Diretor Técnico Médico